02/09/17
IMP lança programa de preparação para aposentaria
O IMP – Instituto Municipal de Previdência dos Servidores Públicos de Itaúna, está implantando o Programa Municipal de Preparação para a Aposentadoria.
Segundo informações da direção do Instituto, o público a ser alcançado pelo Programa é constituído de três segmentos: 1) o específico, constituído por servidores da Prefeitura Municipal de Itaúna, SAAE, IMP e Câmara Municipal de Itaúna que planejam aposentar nos próximos cinco anos; 2) o segmento de servidores em geral, constituído por servidores da Prefeitura Municipal de Itaúna, SAAE, IMP e Câmara Municipal de Itaúna independente da previsão de aposentadoria; e 3) os demais interessados, servidores públicos de qualquer ente ou iniciativa privada.
A direção do IMP esclarece que o Programa está amparado pela Lei Federal nº 8.842, de 4 de janeiro de 1994, quando dispõe no capítulo IV, artigo 10, inciso IV, alínea C, que "na implementação da política nacional do idoso, são competências dos órgãos e entidades públicos na área de trabalho e previdência social criar e estimular a manutenção de programas de preparação para aposentadoria nos setores público e privado com antecedência mínima de dois anos antes do afastamento".
No mesmo sentido está a Lei Federal Nº 10.741, de 1º de outubro de 2003 que em Art. 28, inciso II, dispõe que "o Poder Público criará e estimulará programas de: preparação dos trabalhadores para a aposentadoria, com antecedência mínima de 1 (um) ano, por meio de estímulo a novos projetos sociais, conforme seus interesses, e de esclarecimento sobre os direitos sociais e de cidadania".
Por outro lado é comprovado através de dados demográficos que o envelhecimento da população segue uma linha ascendente e que a expectativa de vida tem tendência a aumentar década após década.
Também é possível extrair da literatura especializada a dificuldade de inúmeras pessoas que se aposentam e acabam por enfrentar uma série de adversidades por não terem tido a preparação para o momento de desaceleração das atividades profissionais cotidianas.
A matéria presente nesta portaria foi alvo de deliberação e aprovação do Conselho Administrativo do IMP, conforme ata lavrada.
Para o diretor geral do IMP o Programa tem por objetivos:
valorizar o servidor, gerando um efeito psicológico positivo sobre os demais servidores; valorizar e resgatar a experiência profissional do aposentado, mesmo após o desligamento; preservar e valorizar a experiência do servidor que vai se aposentar; amenizar conflitos e tensões pré-aposentadoria; planejar e preparar para a promoção de qualidade de vida e bem-estar dos servidores; possibilitar a criação de um novo ou a revisão do projeto de vida baseado em fatos e não em preconceitos; oferecer apoio psicossocial no período de transição; promover orientação para questões do cotidiano, tais como: administração do orçamento doméstico, relacionamento com a família e outras; promover a conscientização para a valorização das experiências de vida do servidor; contribuir para a preparação para a nova fase da vida; aproximar a instituição de seus servidores públicos ativos e inativos; proporcionar espaço para reflexão a respeito de possíveis alternativas de ação na aposentadoria, como o resgate da valorização do corpo físico e sua influência direta no bem-estar emocional; planejar a vida financeira e evitar endividamento; desmistificar os estereótipos, estigmas e preconceitos existentes em nossa sociedade, relacionados ao papel do aposentado; pensar a influência dos vínculos, principalmente com a família, como um aspecto facilitador nesse momento de mudança; refletir sobre a busca de novos projetos e auto realização através da descoberta de potencialidades latentes.
A metodologia a ser utilizada será a realização de oficinas, palestras e cursos, que abordarão os seguintes tópicos: aposentadoria: etapa de grandes possibilidades; legislação, previdência e processo de aposentadoria; planejamento financeiro; empreendedorismo; pensando o voluntariado; planejamento de vida; lazer e tempo livre; resgate de potencialidades (artes, músicas, teatro); cuidando da saúde na maturidade; atividades físicas e promoção da saúde; alimentação saudável e qualidade de vida; lidando com emoções e sentimentos; convivência familiar e sexualidade e envelhecimento.
Os interessados deverão fazer inscrição prévia e aguardar divulgação no site da Prefeitura de Itaúna e do IMP.