02/09/17
Centro de Oncologia
Neider pede agilidade no credenciamento
O prefeito Neider Moreira esteve em visita ao governo do Estado de Minas Gerais na semana passada quando solicitou ao governador Fernando Pimentel ajuda para que o credenciamento do Centro de Oncologia de Itaúna saia logo. O funcionamento do serviço na cidade vai trazer mais qualidade ao tratamento de quimioterapia ou radioterapia que hoje os portadores de câncer de Itaúna e de cidades vizinhas têm que buscar em Divinópolis ou Belo Horizonte.
A construção do Centro Oncológico teve início em 2013, nas dependências do Hospital Manoel Gonçalves, parceria da AVACCI e o hospital.
Para levantar recursos para a obra Avacci e Hospital Manoel Gonçalves buscaram a ajuda de verbas de parlamentares e de campanhas. Hoje o prédio está inteiramente construído e mobiliado, esperando apenas o credenciamento do Ministério da Saúde para abrir as portas para a comunidade.
Presídio
O prefeito Neider Moreira voltou a falar sobre a construção do presídio em Itaúna. A notícia da liberação de recursos para a obra foi dada pela primeira vez em 2011 e o prefeito levou ao governador Fernando Pimentel, no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte, nesta quinta-feira, 24 de agosto, a antiga reivindicação da população.
Com capacidade para 70 presos, a cadeia de Itaúna abriga cerca de 230, em um imóvel completamente inadequado e sem segurança.
A situação da cadeia de Itaúna e as atuais condições de segurança, higiene e trabalho entraram na pauta de reunião da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, que no último dia 10 de agosto, recebeu as reivindicações do Governo Municipal para apreciação do plenário. A matéria, objeto de debate entre os deputados, enfatizou o estado de alguns presídios em Minas Gerais, como o de Itaúna, que, conforme ata da ALMG, não oferece condição alguma de trabalho para os agentes penitenciários lotados lá. Os deputados concluíram que o refeitório conta com uma mesa e seis cadeiras, além de vários colchões, que não cabem no pequeno almoxarifado; as lâmpadas estão queimadas, as máquinas e os computadores inservíveis. Os profissionais, que desempenham uma função muito estressante, ainda encontram um local de trabalho totalmente insalubre.